Saiba mais sobre queimaduras

Tempo de leitura: 2 minutos

Queimadura é uma lesão na pele que, de acordo com informações da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), pode ser causada por calor, frio, eletricidade, fogo, determinados produtos químicos, radiação ou fricção.

Dados da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) indicam que, no Brasil, as queimaduras são a quarta causa no número de mortes e hospitalização de crianças e adolescentes até 14 anos de idade. Os casos de queimaduras são comuns e podem deixar marcas por toda a vida.

 

Tipos de queimadura

As queimaduras podem atingir desde a camada superficial da pele até as camadas mais profundas. Elas podem ser de três tipos:

Queimadura de 1º grau = atinge a epiderme, não forma bolhas, provoca dor, vermelhidão ou inchaço, a descamação da pele ocorre entre 4 a 6 dias. Esse tipo de queimadura pode ocorrer devido à exposição desprotegida ao sol. Para o tratamento é recomendado o uso de compressas frias.

Queimadura de 2º grau superficial = atinge a epiderme e um pouco da derme, esse tipo de queimadura é caracterizado pela presença de bolhas dolorosas e umidade na pele. É recomendado procurar ajuda médica para o tratamento medicamento necessário. Cabe ressaltar que furar as bolhas não é uma prática recomendada.

Queimadura de 2º grau profunda = é caracterizada pela presença de bolhas com superfície menos profunda e indolor, a pele também pode ficar seca. Mais do que a ida ao médico, a queimadura de 2º grau profunda pode exigir a internação do paciente. O tempo para recuperação das queimaduras de 2º grau demora cerca de 20 dias, esse tempo varia de acordo com a profundidade e o tratamento realizado.

Queimadura de 3º grau = atinge todas as camadas da pele, a epiderme, a derme e estruturas mais profundas, a pele fica esbranquiçada ou enegrecida. Procedimentos cirúrgicos como a enxertia da pele são necessários na recuperação do paciente.

 

Tratamentos iniciais

É recomendada a remoção de vestimentas que cobrem a região queimada ou de acessórios próximos, tais como brinco, anel, pulseira e colar. O tratamento inicial pode ser feito com a utilização de água fria no local da queimadura.

O uso de creme dental, borra de café e outros produtos caseiros deve ser evitado, da mesma forma que não é recomendado utilizar gelo no local. O mais recomendado é procurar e seguir as orientações médicas.

Os pais devem ter um cuidado redobrado para evitar que suas crianças sofram queimaduras em fios, tomadas, panelas e alimentos quentes, produtos químicos ou fogo. Você, adulto, também deve ter cuidado para evitar qualquer tipo de queimadura.

 

*Informe-se mais sobre queimaduras acessando o site da Associação Brasileira de Queimaduras e da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Compartilhe o texto com seus amigos e aproveite para deixar o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *